Palácio São Silvestre

“Fascinante pelo seu histórico, autêntico pelo seu charme”

O Palácio de São Silvestre foi o estabelecimento do mosteiro hieronimita de São Marcos, fundado em 1451 num lugar ermo às portas de Coimbra, que fez desenvolver no lugar uma povoação, denominada de São Silvestre.

A HISTÓRIA

Foi nesta freguesia que, no primeiro quartel de Setecentos, a família Cabral de Moura e Horta mandou edificar a Quinta do Paço, atualmente Palácio São Silvestre;
Detentora de uma localização privilegiada no Largo do Terreiro, no centro da freguesia de São Silvestre, o Palácio constitui uma imponente habitação barroca, construída no século XVIII;
Em 1730 o herdeiro Francisco Cabral de Moura e Horta casou-se com Antónia Pereira Coutinho de Vilhena, e desta união resultou o escudo que se encontra na fachada principal.

O Palácio detêm um inigualável brasão dos Cabrais, Mouras, Coutinhos e Vilhenas (Gonçalves; Correia: 1947).
Destaca-se ainda a capela particular no andar nobre, que à época, detinha um magnifico altar de talha barroca e um retábulo em calcário policromado, da autoria de João de Ruão datado de 1544, com uma representação da Virgem com o Menino, sentada em cadeira de espaldar alto, rodeada por anjos músicos;
Deve referir-se, ainda, que o retábulo pétreo e os baixos relevos originalmente integrados na capela do paço foram executados na primeira metade do século XVI, cerca de 150 anos antes da construção da Casa, desconhecendo-se a sua origem ou seja, não se sabe se o conjunto integrou alguma capela que existia anteriormente naquele local, ou se terão sido adquiridas pela família Cabral de Moura depois da construção do solar.
Mas infelizmente a casa viria a sofrer diversas obras e transformações nas centúrias seguintes, chegando ao final do século XX arruinada no espaço interior, contudo felizmente foi recuperada, permitindo a todos a descoberta deste maravilhoso espaço…

“Fascinante pelo seu histórico, autêntico pelo seu charme”

Palácio São Silvestre
Palácio São Silvestre
Palácio São Silvestre
Palácio São Silvestre